Greve em 2013

17 de outubro de 1988 foi registrado o primeiro sindicato municipal de servidores no Ministério do Trabalho. O SINDSERV SANTOS só não foi o primeiro sindicato de toda a esfera pública nacional porque os próprios trabalhadores do Ministério do Trabalho registraram o seu sindicato assim que foi promulgada a Constituição Federal (5 de outubro de 1988), que autorizou a criação de sindicatos de servidores públicos.

De lá pra cá, foram 9 diretorias eleitas, fora a gestão temporária dos fundadores. Passamos por altos e baixos nessa trajetória e agora temos um sindicato à altura de seus desafios. Uma entidade independente dos governos, partidos e patrões, que organiza a categoria na luta por mais direitos.

Nesses últimos anos toda a dívida do sindicato foi sanada, a sede foi completamente reconstruída, reduzimos a mensalidade, devolvemos o Imposto Sindical, tiramos a CAPEP do buraco (e o reizinho Mota do seu trono), impedimos a gastança no IPREV, os salários voltaram a ser reajustados, derrubamos o Plano de Carreira da Getúlio Vargas e criamos um enorme colegiado onde foi possível que todos os servidores opinassem sobre o PCCV, demos início à tão desejada unificação dos dois sindicatos, entre muitas e muitas lutas que realizamos, pois com a categoria em movimento nenhum problema é grande demais.

Mas ainda há muito trabalho pela frente: Os salários ainda precisam aumentar muito para cobrir as perdas históricas que tivemos nas gestões Beto Mansur/Papa; O PCCV, mesmo tendo sido construído pela categoria, ainda precisa melhorar em inúmeros pontos; A prefeitura precisa fazer dezenas de concursos públicos para que o quadro de funcionários seja adequado e não haja sobrecargas; E pelo choramingado da administração com relação ao gasto com pessoal, teremos que fazer uma campanha salarial inesquecível em 2014.

PARABÉNS SERVIDOR, VOCÊ É PARTE DESSA HISTÓRIA
QUE GARANTIU A MANUTENÇÃO E AMPLIAÇÃO DOS DIREITOS!
Veja os vídeos de retrospectiva preparados para as comemorações de 25, 27 e 28 anos de nossa entidade: