Ilustração na qual mão de um computador saem da tela e fecham a boca de uma internauta

O prefeito de Cubatão, Ademário (PSDB, mesmo partido do Paulo Alexandre Barbosa), entrou com Ação na Justiça para tentar censurar a Comissão de Lutas dos Servidores de Cubatão, principal instrumento de luta dos funcionários municipais da cidade.

Na Ação, o tucano diz que a página do Facebook da Comissão foi criada com a única intenção de destruir sua imagem. A Comissão de Lutas, independente de governos, luta na defesa dos direitos dos servidores públicos municipais de Cubatão e por serviço público de qualidade aos munícipes da cidade.

Além disso, a Comissão existe desde 2015, já mobilizava os servidores no governo de Márcia Rosa (PT). O próprio Ademário (vereador na época) demonstrava publicamente apoio ao movimento quando era de seu interesse político.

É lamentável mais essa tentativa de censurar um movimento de trabalhadores. Práticas fascistas para com os trabalhadores NÃO PASSARÃO!