Charge: Homem com prancheta olha para um esqueleto e diz: "Pelos novos cálculos, você terá que nascer de novo, contribuir por mais 20 anos e aí entrar com pedido de aposentadoria"

A Reforma ACABA com a aposentadoria voluntária por idade (60 anos servidoras e 65 servidor). Aumenta 10 anos de idade mínima para professoras, 7 anos para as demais servidoras e 5 anos para os servidores. Dobra a idade mínima que o servidores precisam estar no serviço público (de 10 para 20 anos).

Todos só se aposentarão pela contagem de pontos (idade + contribuição). As pontuações mínimas (100 para servidoras, 105 servidor, 95 professora e 100 professor) obrigarão os trabalhadores a trabalhar muito mais do que a idade mínima e a contribuição mínima.

E esses números ainda aumentarão automaticamente conforme aumenta a expectativa de vida!

Veja os novos critérios aqui.

…e receberão muito menos!

Charge: Aposentados olhando com lupa um $ encolhendo

Quem entrou na Prefeitura até 2003 ainda consegue se aposentar com paridade (mesmos reajustes da ativa) e integralidade (100% do que recebia). Com a Reforma, só consegue esses direitos quem chegar na idade mínima (60 anos professor/a, 62 servidora e 65 servidor), na contribuição (30 professor/a e 25 servidor/a), 10 anos de serviço público e 5 anos no mesmo cargo.

Quem entrou na Prefeitura depois de 2003 a coisa fica mais feia ainda! Primeiro que o cálculo da média salarial muda. Veja o quadro abaixo:

Regra atual: ↑ MÉDIA MELHORADA ↑
↑ Para calcular a média, são excluídos os 20% menores salários, que geralmente são os de início de carreira. Isto faz com que a média salarial aumente. 

Nova regra: ↓ MÉDIA REBAIXADA ↓
Na regra nova, o cálculo da média pega todos os salários. Isto faz com que a média salarial diminua. 

Quer ver?

Gráfico mostrando a média melhorada e a média rebaixada

Segundo que só vai receber 100% dessa média salarial quem contribuir por 40 anos! Quem contribuir por 30 anos, por exemplo, recebe só 80% da média salarial.

Veja as novas regras de cálculo da média salarial aqui.

Veja você mesmo a Reforma da Previdência aqui.

Calcule quantos anos a mais você terá que trabalhar e quanto a menos você receberá aqui.