Ilustração: Governo recusa reivindicação dos trabalhadores

Além de recusarem a proposta do governo de forma unânime, os servidores já marcaram dois atos:

  • 15/02 (quinta-feira) a partir das 17h na PRAÇA MAUÁ (Centro);
  • 17/02 (sábado) a partir das 10h na PRAÇA DAS BANDEIRAS (Gonzaga);

Além da proposta de reajuste oferecida pelo governo ter sido apenas verbal (não registraram em ofício), ela não alcança nem mesmo a inflação do período: 2% de reajuste no salário em fevereiro mais 1% em julho (esse 1% não seria retroativo). Para o Auxílio Alimentação e Cesta Básica a proposta é de 3% de reajuste em fevereiro.

Reunidos em assembleia ontem (08/02), os servidores resolveram rejeitar tal proposta que não condiz com o quadro financeiro da Prefeitura.

TEM DINHEIRO

As contas do governo são públicas. A Prefeitura tem dinheiro para melhorar essa proposta de reajuste SIM. Diferente da choradeira do prefeito na imprensa, em 2017 o governo recebeu mais dinheiro (IPTU, impostos, multas…) do que no ano anterior. Uma alta de 0,57% acima da inflação!

GOVERNO GASTA CADA VEZ MENOS COM SERVIDORES

Desde 2014, o governo tem valorizado cada vez menos o servidores. Isso não é uma opinião do SINDSERV, isso é um FATO comprovado pelos números publicados pela própria Prefeitura. Veja você mesmo como tem caído todo ano o índice de Gasto com Pessoal:

Gráfico do Gasto com Pessoal

RESUMO DA ÓPERA

O governo recebeu mais dinheiro SIM, mas não quis valorizar os servidores e sim as OSs, empreiteiras, empresas amigas, cabos eleitorais, chequinhos e cargos comissionados.

TODOS AOS ATOS DA CAMPANHA SALARIAL 2018!
15/02 (quinta-feira) a partir das 17h na PRAÇA MAUÁ (Centro)!
17/02 (sábado) a partir das 10h na PRAÇA DAS BANDEIRAS (Gonzaga)!